Uma noite para ficar na história do esporte paraibano. Com uma grande festa proporcionada pela torcida de Campina Grande, que lotou a Arena Unifacisa com 1.050 pessoas na noite desta segunda-feira (13), o Basquete Unifacisa venceu o Londrina por 78×70 e fechou a série de semifinais por 3 a 1, garantindo vaga na decisão da Liga Ouro 2019.

Agora, a equipe da Paraíba espera a definição do adversário e das datas para a final, que será realizada em nova série de melhor de cinco jogos. Na outra semifinal, São Paulo e Campo Mourão disputam a vaga – a série está 2 a 1 para os paulistas. O treinador Eduardo Schafer comemorou o feito histórico e agradeceu a união do grupo em prol da classificação.

“Desde o início, eu sabia do potencial de nossa equipe. Montamos um ótimo grupo de jogadores e uma comissão técnica fantástica. Quando juntamos pessoas comprometidas e trabalhadoras, as coisas acontecem. Estou no basquete há mais de 30 anos e para mim é um sonho viver isso aqui. Vamos comemorar, temos uma semana para descansar e trabalhar já pensando na final e na busca pelo título”, afirmou, emocionado, o técnico.

Já o diretor do Basquete Unifacisa, Diego Gadelha, destacou a paixão dos torcedores paraibanos pela equipe.

“Hoje o Basquete Unifacisa é um patrimônio da cidade, um orgulho para Campina Grande e para a Paraíba. É um momento de muita felicidade estar na final da Liga Ouro e poder buscar esse título e o acesso ao Novo Basquete Brasil (NBB). Um dia para entrar na história do esporte da Paraíba”, disse.

Na partida desta segunda-feira, o Basquete Unifacisa soube controlar a pressão do adversário – que jogava pela sobrevivência na competição e um possível quinto jogo – e contou com a força de sua torcida para conquistar a vitória. Após ficar atrás do placar durante o primeiro tempo, o Basquete Unifacisa se impôs na segunda metade do jogo e virou a partida, segurando a vantagem até o final. Entre os atletas, destaque para o armador norte-americano Barnes, cestinha da partida com 25 pontos.

Com PB Online