Morre aos 52 anos, Ney da Matta, ex-técnico do Campinense

Morreu, por volta das 13h deste sábado (18), aos 52 anos, o técnico Ney da Matta. Ele estava internado desde o início da semana no Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, com quadro de pancreatite. O falecimento foi confirmado pelo prefeito de Ipatinga, Nardyello Rocha. Por meio das redes sociais, Rocha lamentou o óbito. Ele havia pedido orações a Ney da Matta nos últimos dias.

O profissional passou por vários exames, quando foi diagnosticada a doença, até ser levado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade.

O último trabalho de Ney da Matta foi pelo CRAC, de Catalão-GO, entre janeiro e março deste ano. Além disso, ele treinou, entre os times do futebol mineiro, o Ipatinga, Villa Nova, Tupi, Tombense, Democrata de Sete Lagoas, Araxá, Uberlândia, Unaí, Valério, Tricordiano e o Boa Esporte. Nesse último, foram cinco passagens. Em uma delas, foi campeão da Série C, em 2016, garantindo o retorno do time à Série B.
Campinense, CSA, CRB, América-RN, Remo, Sampaio Corrêa, Brasil de Pelotas, Guarani de Campinas, Grêmio Inhumense, Linense, Guará, Brasiliense, Anápolis, Unibol-PE e Nacional do Amazonas foram outros times treinados por Ney fora de Minas.

Além do título da Série C com o Boa Esporte, Ney conquistou também, pelo clube de Varginha, a taça simbólica de Campeão do Interior, em 2014. Em 2011, pelo Ipatinga, faturou a Taça Minas Gerais.