Causando aglomeração, torcida do Sousa faz festa na saída da delegação para Campina Grande; VEJA O VÍDEO

Causando aglomeração, situação não recomendada em decorrência da pandemia do novo Coronavírus, que tem um de seus pontos críticos no sertão na cidade de Sousa, o Dinossauro do Sertão embarcou para Campina Grande no fim da manhã desta quarta-feira (16), onde vai disputar amanhã o primeiro jogo das finais do Campeonato Paraibano.

A situação descontrolada do Covid-19 na cidade fez com que o Secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, que fosse feito um experimento pelo Ministério da Saúde, no qual haveria vacinação em massa da população do município, o de maior transmissibilidade na Paraíba atualmente, algo que não obteve resposta ainda por parte do governo federal.

Sobre a decisão, depois de poupar sete titulares na goleada sofrida para o ABC-RN no fim de semana, o treinador Índio Ferreira deve ter força máxima contra o Campinense, às 16h de quinta-feira (17), no estádio Amigão.

Ainda estão sob observação os meio-campistas Juninho e Daniel, que inspiram mais cuidados, mas não devem ser problema. No mais, o lateral-direito Arisson, os zagueiro Roni Lobo e Marcelo, o lateral-esquerdo Weslley, que ficaram de fora da partida em Natal, estão descansados e vão para o jogo.

Com isso, devem começar jogando Ricardo, Arisson, Roni Lobo, Marcelo, Weslley, Liniker, Daniel Costa, Juninho, Wesley Soares; Cassiano (Arthur ou Gabriel Alves) e Rodrigo Poty.

Por ter feito a melhor campanha da primeira fase do estadual, o Sousa irá ter a vantagem apenas de disputar a segunda partida no Marizão, marcada para o domingo (20), às 10h da manhã.

VEJA O VÍDEO:

Cariri Esporte

Voz da Torcida